Telecomunicações

24-09-2013

telecomunicacoesMuitos consumidores têm problemas com as telecomunicações: telefone, internet e televisão por cabo. Os tarifários são o principal motivo das reclamações mas, na verdade, muitos não utilizam o tarifário mais adequado. No caso da Internet, a dificuldade em escolher surge porque o consumidor não sabe qual o volume de tráfego que vai utilizar. De qualquer maneira, em Portugal, os planos pré-pagos da Internet, a que aderem a maioria dos utilizadores, são a opção mais barata e os que melhor se adequam aos utilizadores.

As tarifas triplas, com televisão, telefone e internet, ficam mais baratas do que os serviços em separado. As poupanças, para alguns perfis, podem atingir os € 25 por mês.

Alguns conselhos para poupar:
  • Contacte todas as operadoras com serviços na sua zona de residência e analise os preços. No caso da televisão, escolha em função dos canais pretendidos, e da utilização que faz da internet e do telemóvel;
  • Se propuserem promoções, estude todas as condições, para se certificar de que são vantajosas. Por vezes, o desconto na mensalidade é de apenas um ou dois meses e um valor que parece atrativo revela-se superior ao de outra operadora;
  • Pergunte se há um contrato de fidelização e qual a duração. Para desistir antes do final do prazo sem ter de pagar mais nada, precisa de razões válidas, como nunca ter obtido a velocidade anunciada;
  • Se anunciarem tráfego ilimitado, questione se aplicam alguma política de utilização e como controlar o tráfego.

 

Para mais informação:

Poupar nas telecomunicações