Página principal Literacia Financeira Crédito habitação: maturidade (agosto 2018)

Crédito habitação: maturidade (agosto 2018)

23-08-2018

As instituições de crédito   financiam crédito à habitação com maturidades muito longas. O Banco de Portugal, enquanto autoridade macroprudencial nacional, publicou uma recomendação, dirigida aos novos contratos de crédito à habitação  celebrados com consumidores  que prevê limites à maturidade do crédito de 40 anos nos novos contratos de crédito à habitação e crédito com garantia hipotecária ou equivalente, e convergência gradual para uma maturidade média de 30 anos até final de 2022.

Consultamos os sites dos principais bancos e apuramos  informação relativa  aos empréstimos a taxa variável com garantia hipotecária para compra de habitação própria no regime geral.

Desde o inicio do mês de julho que as instituições de credito têm vindo a efetuar alguns ajustamentos tendo em conta as recomendações do regulador que estabelece os  limites   à maturidade.

Dados recolhidos relativos a empréstimos a taxa variável com garantia hipotecária para compra de habitação própria no regime geral:

Prazos para concessão de crédito à habitação

(taxa variável)

Instituição Maturidade /

Prazo contratual

Idade limite

do(s) titular(es)

EuroBic 10 anos (mínimo) / 40 anos (máximo) 75 anos
UCI 7 anos (mínimo) / 40 anos (máximo) 75 anos
Crédito Agrícola 13 meses (mínimo) / 40 anos (máximo) 70 anos
Millennium BCP 5 anos (mínimo) / 40 anos (máximo) 75 anos
Santander Totta 1 ano (mínimo) / 40 anos (máximo) 75 anos
Banco BPI 3 anos (mínimo) / 40 anos (máximo) 75 anos
Banco CTT 10 anos (mínimo) / 40 anos (máximo) 75 anos
Caixa Geral de Depósitos 5 anos (mínimo) / 40 anos (máximo) 80 anos
Novo Banco 10 anos (mínimo) / 40 anos (máximo) 75 anos
Bankinter 5 anos (mínimo) / 40 anos (máximo) 75 anos
Montepio 5 anos (mínimo) / 40 anos (máximo) 75 anos
Abanca 45 anos (máximo) 75 anos
Deutsche Bank 10 anos (mínimo) / 40 anos (máximo) 75 anos

 

Fonte: bancos a 17 de Agosto de 2018.

Partilhe